O que é Incontinência urinária?

A incontinência urinária, ou perda involuntária de urina, é um problema comum e muito constrangedor. Em alguns casos, não é possível segurar a urina ao fazer esforços como tossir ou espirrar, em outros casos, a vontade de urinar é tão súbita e forte que não dá tempo de chegar a um banheiro. Nesse caso é também chamada de urgi-incontinência. É um problema bastante comum mas que tem tratamento.

A incontinência urinária atinge 10 milhões de brasileiros de todas as idades, sendo duas vezes mais comum no sexo feminino e na população idosa, afirma a Sociedade Brasileira de Urologia. Causa um impacto muito grande na qualidade de vida das pessoas com constrangimento social, mau cheiro etc. podendo levar a depressão e isolamento.

Como prevenir ou minorar a incontinência urinária?

– Procure evitar a prisão de ventre.
– Deixe de fumar, se for o caso, para reduzir a tosse e a irritação da bexiga.
– Evite o álcool e bebidas cafeinadas, que podem estimular exageradamente a bexiga.
– Em caso de obesidade, procure perder peso.
– Faça exercícios apropriados para fortalecer o assoalho da pelve durante a gravidez e logo após o parto.
– Procure seu ginecologista ou urologista se os sintomas forem persistentes. Existem tratamentos medicamentosos e cirúrgicos para tratar esse problema.

 

,

Justiça condena plano de saúde a custear procedimento de fetilização

O Tribunal de Justiça do Distrito Federal condenou Bradesco Saúde S/A a autorizar e custear procedimentos de fertilização in vitro para um casal com infertilidade. De acordo com a decisão, a seguradora terá que arcar com o tratamento, que custa cerca de R$ 20 mil, no prazo de 10 dias sob pena de multa diária em caso de descumpimento. A defesa alegou que o procedimento não está previsto na cobertura do plano e nem nos procedimentos de saúde editados pela Agência Nacional de Saúde Complementar (ANS).

A advogada que representou o casal, afirma que os clientes têm direito não somente ao tratamento da infertilidade como também ao planejamento familiar conforme previsto no Código Civil, na Constituição Federal e também na legislação que rege as operadoras de planos de saúde (Lei 9.656/98). “A infertilidade é doença reconhecida pela Organização Mundial da Saúde (OMS), razão pela qual entendemos que seu tratamento faz jus à cobertura.
O desembargador Josaphá Francisco dos Santos, responsável pelo caso, concedeu o pedido de tutela de urgência para o início imediato ao tratamento. Dada a idade avançada da esposa (35 anos), havia o risco de agravamento da doença e de a infertilidade do casal tornar-se permanente.

Fonte: Correio Braziliense – DF (08/03/2017)

,

Banho de sol pode melhorar fertilidade masculina

Homens que estão pensando em ter filhos podem correr para a praia ou para a piscina. Isto porque um estudo realizado com 340 homens constatou que a vitamina D, produzida pelo corpo quando exposto ao sol, ajuda a melhorar consideravelmente a qualidade dos espermatozoides, segundo divulgou o jornal britânico Daily Mail.

Leia mais

Norma da Anvisa dará mais segurança a pacientes

As mudanças envolvem a exigência de informações mais detalhadas nos relatórios que os bancos de células e tecidos germinativos

Leia mais

Anvisa aumenta controle sobre bancos de embriões

Clínicas de reprodução assistida devem informar à Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) o número de óvulos captados e de embriões transferidos para as pacientes. Atualmente, o estabelecimentos só têm que indicar quantos embriões estão guardados.

Leia mais

Estudo em ratos pode ajudar na infertilidade humana

Pesquisadores no Japão usaram células-tronco embrionárias de ratos para produzir espermas saudáveis desse animais em recipientes de laboratório, uma iniciativa que poderia ajudar no tratamento da infertilidade humana.

Leia mais

Descoberta traz nova esperança contra a infertilidade masculina

Para mais de 10% da população do planeta, ter um filho natural é um sonho impossível. Problemas como a baixa qualidade do óvulo ou do espermatozoide deixam mulheres e homens inférteis e, muitas vezes, nem mesmo as mais avançadas técnicas in vitro conseguem reverter o quadro.

Leia mais

,

Gordura no ovário dificulta gravidez de mulheres acima do peso

A exposição de ovários a níveis altos de ácidos gordurosos comumente encontrados em obesas e diabéticas pode prejudicar o desenvolvimento do embrião, de acordo com um estudo publicado nesta quinta-feira (18) conduzido por cientistas da Bélgica, Reino Unido e Espanha.

Leia mais

Casais com HIV podem ter filhos sem o vírus

Um casal que convive com o vírus HIV pode ter filhos sem transmitir a doença para a criança.

A oferta de técnicas seguras de gravidez está prevista no consenso terapêutico de aids de outubro e tem resultados positivos.

Leia mais